Nosso Blog

Habilidades de liderança: como estimular essa soft skill nos gestores de equipe?

Qual empresa não busca por gestores de equipe de alto desempenho? Todas as equipes querem ter um líder que inspira e motiva no trabalho, trazendo soluções inovadoras e resultados reais para a empresa.

 

Há alguns anos, o Hay Group realizou uma pesquisa onde 3 mil gestores brasileiros foram analisados, sendo constatado que 63% contribuíam para um clima desmotivador e apenas 12% promoviam um ambiente propício para a equipe obter alto desempenho. A KPMG também levantou alguns dados que preocupam as empresas, já que 91% dos colaboradores contaram que os seus gestores não atuavam de acordo com a cultura da empresa, e 70% acreditavam que poucos gestores eram, de fato, bons líderes.

 

Dicas para desenvolver a habilidade de liderança nos gestores de equipe

 

Apesar dos gestores de equipe transparecerem uma liderança nata quando se trata de levar os outros colaboradores ao sucesso, eles não nascem sabendo.

Então, se você busca desenvolver a habilidade de liderança dos gestores da sua empresa, aqui vão algumas dicas incríveis para formar líderes que inspiram, motivam e guiam os demais talentos à alcançar o seu máximo potencial.

 

Conexão interpessoal bem estabelecida com os membros da equipe para manter uma comunicação clara, assertiva e aberta com todos.

Todas essas habilidades fazem parte de bons gestores de equipe porque lidam diretamente com a gestão de pessoas, que exigem muitas habilidades comportamentais para enxergar o outro e saber como liderá-lo.

 

O propósito da equipe é o que a mantém engajada com a empresa, dedicada às atividades do cargo e motivada em realizar o melhor trabalho possível.

Portanto, essa é uma das tarefas dos gestores, a de entregar um propósito que seja grande o suficiente para inspirar os colaboradores e convencê-los a darem o melhor de si.

Aqui, o departamento de RH é capaz de prestar suporte na busca pelo propósito que os gestores devem entregar para a equipe, já que precisa ser uma missão que esteja em sintonia com o negócio.

 

Um dos maiores erros de gestores de equipe é acreditarem que o time é homogêneo.

Essa confusão acontece porque os colaboradores trabalham em equipe para alcançar um propósito em comum, mas os líderes precisam lembrar que cada pessoa tem as suas especificidades, e devem ser tratadas de maneira individual.

 

Por exemplo, entregar um feedback construtivo em um ambiente descontraído e entre os outros membros da equipe pode ser tranquilo para o colaborador I, mas se o gestor entregar o feedback da mesma forma para o colaborador II, ele pode se sentir envergonhado e ficar desmotivado no trabalho.

O incentivo à comunicação aberta dos gestores com os membros da equipe é um dos principais fatores no desenvolvimento de líderes de alta performance.

Como os gestores estão em constante contato com os colaboradores, o departamento de RH pode incentivar a implementação de uma cultura de feedback na empresa, onde os líderes coletam feedbacks a respeito de sua gestão e vice-versa. Inclusive, os gestores conseguem deixar claro as expectativas, as atividades que devem ser realizadas, os prazos de entregas e mais, sem que a satisfação e o desempenho dos colaboradores sejam comprometidos porque, simplesmente, a comunicação é eficiente.

 

Os gestores de equipe precisam ter ciência sobre o tipo de liderança que exercem porque, dessa maneira, têm conhecimento sobre quais são seus pontos fortes, os quais servem para impulsionar a equipe, e quais são os pontos fracos, aqueles que devem ser aprimorados em prol do negócio. Veja abaixo.

 

Carismático

O gestor carismático tem alto nível de influência na equipe e facilidade na comunicação aberta, conseguindo motivar os colaboradores, incentivando o trabalho em equipe e trazendo bons resultados para a empresa.

 

Sistemático

O gestor sistemático costuma extrair bons resultados da equipe porque é extremamente organizado, atento aos processos e racional.

 

Democrático

O gestor que é democrático desempenha o papel de líder com excelência porque é capaz de motivar a equipe ao valorizar cada aspecto individual dos colaboradores, incentivando que os membros tenham participação ativa nas decisões do time.

Em contrapartida, geralmente necessita desenvolver a habilidade de resolução de conflitos porque tende a evitá-los ou, até mesmo, ignorá-los por medo de parecer estar tomando algum partido.

 

Treinador

Com forte habilidade de influência, conexão interpessoal, flexibilidade cognitiva e mais, o gestor de perfil treinador é o que mais se aproxima de uma liderança ideal para a equipe.

Ele representa um mentor/tutor para o time e, assim, se torna o exemplo, a inspiração e a motivação dos colaboradores, conseguindo extrair o máximo potencial de cada um e gerando grandes resultados para a empresa.

 

Controlador

O gestor que tem perfil de controlador é o mais temido entre os colaboradores porque não incentiva a comunicação aberta, não é flexível com a equipe e tem forte tendência a ser autoritário.

 

Conclusão

Sabendo da importância de haver gestores de equipe de alta performance na sua empresa, o que acha de identificar os colaboradores que têm perfil de liderança e desenvolvê-los para o seu negócio?

Se você busca treinar e desenvolver esses talentos para maximizar o potencial da equipe e atingir as metas da companhia em pouco tempo, entre em contato agora mesmo com a Umentor e prepare a sua empresa para o sucesso!

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Últimas Notícias